Imposto de Renda Pessoa Jurídica

IRPJ 2016: A Declaração de imposto de renda 2016, nada mais é do que a prestação de contas perante a Receita Federal, ou seja, a comprovação de tudo que você ganhou e gastou durante o exercício de um ano. Com essa declaração, você terá alguns benefícios, mas nem todos precisam declarar esse tipo de documento. Além disso, também há diferença entre a declaração de imposto de renda de pessoa jurídica, e a declaração de imposto de renda 2016 feita por pessoa física. Aqui você poderá entender um pouco mais sobre o IRPJ e tirar todas suas dúvidas referente a esse assunto.



A Declaração Simplificada da Pessoa Jurídica de um exercício se aplica tanto às declarações normais (relativas ao ano anterior) quanto às declarações referentes a situações especiais (cisão parcial, cisão total, extinção, fusão ou incorporação), ocorridas no exercício de entrega da declaração.

Muitas empresas não sabem que precisam declarar o IRPJ de sua pequena empresa, mas é preciso prestar contas a Receita perante tudo que entra e que sai referente aos lucros e gastos da empresa.

A quem se destina o IRPJ 2016

O IRPJ (Imposto de Renda Pessoa Jurídica) são aqueles que possuem empresas individuais. São contribuintes do IRPJ 2016 :

  • as pessoas jurídicas;
  • as empresas individuais.

As disposições tributárias do IR aplicam-se a todas as firmas e sociedades, registradas ou não.

IRPJ 2016


As entidades submetidas aos regimes de liquidação extrajudicial e de falência sujeitam-se às normas de incidência do imposto aplicáveis às pessoas jurídicas, em relação às operações praticadas durante o período em que perdurarem os procedimentos para a realização de seu ativo e o pagamento do passivo (Lei 9.430/1996, artigo 60).

Leia também:

As empresas públicas e as sociedades de economia mista, bem como suas subsidiárias, são contribuintes nas mesmas condições das demais pessoas jurídicas (Constituição Federal, artigo 173 § 1º). As Pessoas Jurídicas, devem declarar IRPJ 2016 e são tributadas por uma das seguintes formas:

  • Simples.
  • Lucro Presumido.
  • Lucro Real.
  • Lucro Arbitrado.

Como declarar o IRPJ 2016

Para fazer a declaração de Imposto de Renda de Pessoa Jurídica, acesse o link www.receita.fazenda.gov.br e confira as opções:

  • Preenchimento da Declaração de Inatividade
  • Orientações Gerais
  • Instruções de Preenchimento

Tire suas dúvidas antes de efetuar o preenchimento da Declaração de IRPJ 2016.

Novidades no IRPJ 2016

O IRPJ 2016 será determinado com base no lucro real, presumido ou arbitrado, por períodos de apuração trimestrais, encerrados nos dias 31 de março, 30 de junho, 30 de setembro e 31 de dezembro de cada ano-calendário. À opção do contribuinte, o lucro real também pode ser apurado por período anual.

Nos casos de incorporação, fusão ou cisão, a apuração da base de cálculo e do imposto devido será efetuada na data do evento. Na extinção da pessoa jurídica, pelo encerramento da liquidação, a apuração da base de cálculo e do imposto devido será efetuada na data desse evento.

Deixe o seu Comentário